Processos sociais de mudança

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011 |

Objectivo(s):

  • Integra informação diversa necessária à resolução de problemas nas várias dimensões da vida quotidiana, recorrendo a novas técnicas e tecnologias.
  • Reconhece novas técnicas e modelos organizacionais de trabalho e implementa, fundamentadamente, esses processos.
  • Identifica os constrangimentos pessoais e institucionais para a participação associativa e ultrapassa conscientemente esses obstáculos.
  • Reconhece factos, factores e dinâmicas de intervenção numa comunidade global, integrando-os na sua actuação como profissional e cidadão.

Conteúdos:
  • Aprendizagem ao longo da vida
    Conceitos-chave: aprendente; competência; autonomia; desenvolvimento pessoal e social; tecnologias da informação e comunicação; aprendizagem ao longo da vida; sociedade do conhecimento
    - A condição de aprendente
    - Noção de aprendente
    - Noções de Lifelong e lifewide
    - Apropriação do conceito de aprendizagem significativa
    - Dinâmicas formais, informais e não formais de aquisição e renovação de competências ao longo e nos vários domínios da vida
    - Importância de práticas de reflexão e auto-avaliação criteriosas e conscientes
    - Dimensões da aprendizagem ao longo da vida: saber-ser, saber-estar, saber-saber e aprender a aprender
    - Aprendizagem ao longo da vida enquanto motor de regeneração local e nacional e prática fundamental para a participação sustentada na sociedade do conhecimento
    - Recurso às novas tecnologias
    - Pesquisa, organização, reformulação e gestão da informação
    - Construção de novas práticas inerentes à gestão complexa e multidimensional da vida pessoal e profissional, designadamente no que diz respeito à facilitação de acesso a serviços e práticas de trabalho cooperativo (nomeadamente a distância)
  • Novos processos de trabalho
    Conceitos-chave: autonomia; organização e gestão do trabalho; responsabilidade social empresarial
    - Recurso a novas técnicas/ferramentas de organização e gestão de trabalho, com o objectivo de solucionar problemas através da adopção de práticas inovadoras: os exemplos do teletrabalho e da transformação organizacional (organigramas horizontais e verticais)
    - Implicações da responsabilidade social das empresas
  • Movimentos associativos na sociedade civil
    Conceitos-chave: actores de desenvolvimento; intervenção social; sociedade civil; empreendedorismo social
    - Função social dos movimentos colectivos
    - Princípios de organização e dinamização das associações civis
    - Gestão da vida pessoal e profissional com vista à participação associativa: empreendedorismo social
  • Instâncias supranacionais dinamizadoras da intervenção comunitária
    Conceitos-chave: globalização; local/global; unidade na diversidade; cidadania mundial
    - Instituições de intervenção à escala macro-social, de acordo com várias áreas
    - Sustentabilidade e meio ambiente; saúde; solidariedade/direitos sociais; direitos humanos; comércio; entre outros
    - Impactos da globalização na intervenção comunitária (e vice-versa)
    - Os novos desafios da cidadania: existe uma cidadania planetária?
    - A interdependência das escalas global-local
    - Os actores da globalização
    - O papel da globalização na construção de uma nova cidadania
    - Papel das novas tecnologias no funcionamento e dinamização em rede das entidades
    - Contributos da globalização para o reconhecimento e a promoção da multiculturalidade e da diversidade
    Área do Saber: Sociologia; Psicologia; Filosofia; Geografia; Direito; Relações Internacionais; Economia

Liberdade e responsabilidade democráticas

|

Objectivo(s):

  • Reconhece as responsabilidades inerentes à liberdade pessoal em democracia.
  • Assume direitos e deveres laborais enquanto cidadão activo.
  • Identifica os direitos fundamentais de um cidadão num estado democrático contemporâneo.
  • Participa consciente e sustentadamente na comunidade global.

Conteúdos:
  • Compromisso Cidadão/Estado
    Conceitos-chave: identidade; liberdade; igualdade; participação; cidadania; Estado; democracia; sociedade civil; organização política dos estados democráticos
    - Conceito de liberdade pessoal em democracia
    - Exercício da liberdade e da responsabilidade de cada cidadão
    - Direitos/Liberdades e Deveres/Responsabilidades do cidadão no Portugal contemporâneo
    - Direitos e deveres pessoais, laborais e sociais em confronto
    - Papel da sociedade civil na Democracia
    - Função reguladora das instituições da sociedade civil na construção da democracia
    - Instituições da sociedade civil com impacto na construção da democracia: instituições políticas; associações da
    defesa do consumidor; corporações; associações profissionais; associações ambientalistas, entre outras
    - Construção social e cultural de novas práticas de cidadania
  • Direitos, liberdades e garantias dos trabalhadores
    Conceitos-chave: representação; direitos, liberdades e garantias dos trabalhadores; direitos e deveres de cidadania; direitos civis, direitos sociais; direitos políticos; responsabilidade social empresarial; condição perante o trabalho
    - Mecanismos reguladores dos direitos laborais
    - O Código do Trabalho
    - Organismos e serviços de protecção dos direitos laborais, nacionais e transnacionais
    - Direitos laborais, direitos económicos e/ou de mercado: problematização do jogo entre os direitos dos trabalhadores - adquiridos ou pretendidos - e a lógica liberal regente na maioria das estruturas empresariais
  • Compromisso Cidadão/Estado
    Conceitos-chave: identidade; liberdade; igualdade; participação; cidadania; Estado; democracia; sociedade civil; organização política dos estados democráticos
    - Conceito de liberdade pessoal em democracia
    - Exercício da liberdade e da responsabilidade de cada cidadão
    - Direitos/Liberdades e Deveres/Responsabilidades do cidadão no Portugal contemporâneo
    - Direitos e deveres pessoais, laborais e sociais em confronto
    - Papel da sociedade civil na Democracia
    - Função reguladora das instituições da sociedade civil na construção da democracia
    - Instituições da sociedade civil com impacto na construção da democracia: instituições políticas; associações da
    defesa do consumidor; corporações; associações profissionais; associações ambientalistas, entre outras
    - Construção social e cultural de novas práticas de cidadania
  • Direitos, liberdades e garantias dos trabalhadores
    Conceitos-chave: representação; direitos, liberdades e garantias dos trabalhadores; direitos e deveres de cidadania; direitos civis, direitos sociais; direitos políticos; responsabilidade social empresarial; condição perante o trabalho
    - Mecanismos reguladores dos direitos laborais
    - O Código do Trabalho
    - Organismos e serviços de protecção dos direitos laborais, nacionais e transnacionais
    - Direitos laborais, direitos económicos e/ou de mercado: problematização do jogo entre os direitos dos trabalhadores - adquiridos ou pretendidos - e a lógica liberal regente na maioria das estruturas empresariais
  • Democracia representativa e participada
    Conceitos-chave: Estado; órgãos de soberania; organização política dos Estados Democráticos; descentralização; cultura
    política, representação
    - Organização do Estado Democrático português
    - A Constituição da República Portuguesa
    - Os órgãos de soberania: competências e interligação
    - Regiões Autónomas e especificidades do seu regime político-administrativo
    - O Poder Local
    - Órgãos e atributos
    - Os novos desafios do poder local
    - Contributos do cidadão na promoção, construção e defesa dos princípios democráticos de participação e representatividade: a responsabilidade e capacidade de fazer escolhas
  • Comunidade global
    Conceitos-chave: norma; igualdade; fronteira; direitos e deveres de cidadania; comunidade; transnacionalidade
    - Cidadania europeia
    - Tratado de Maastricht
    - Tratado de Lisboa
    - Direitos dos cidadãos europeus
    - Livre circulação de pessoas: residir, estudar e trabalhar no espaço comum europeu
    - Direitos fundamentais do Homem: Declaração Universal dos Direitos do Homem e outros documentos-chave
  • Àreas do Saber: Sociologia; Filosofia; Direito; Relações Internacionais; Geografia; Economia; Psicologia



CP1 - EU O1 + O3 - Salv O2 + O4

Cidadania e Profissionalidade (CP)

|

Nesta Área, pretende-se evidenciar, reconhecer e certificar competências-chave da e na cidadania democrática resultado da aprendizagem reflexiva e/ou da (re)atribuição de sentido à experiência e ao conhecimento prévio. Elegem-se para tal duas perspectivas fundamentais, mas profundamente interligadas: a cidadania e a profissionalidade.

Todos os que partilham vivências democráticas através da aprendizagem reflexiva da cidadania democrática e da sua prática comunitária apelam ao pensamento crítico e à reflexão sobre a acção, e é também assim que deve ser entendida a prática da cidadania. E sendo o trabalho uma das dimensões fundamentais da vida de um adulto, a melhoria da sua situação profissional de vida é uma das razões/motivações mais apontadas pelos participantes para frequentarem acções de formação de adultos. Sublinhe-se a este propósito que a profissionalidade é aqui entendida como uma referência muito mais ampla que a simples relação com uma dada profissão. Esta área concretiza as suas competências-chave a partir de três dimensões: social, cognitiva e ética.
REFERENCIAL DE COMPETÊNCIAS-CHAVE, 2006

Cidadania e Profissionalidade (CP) distribui-se pelas seguintes 8 unidades:


A unidade CP_1 é obrigatória. Depois costuma dar-se a CP_4 ou menos frequentemente a CP_5.

Actualmente a CP_1 denomina-se Liberdade e responsabilidades democráticas.